sexta-feira, 21 de outubro de 2011

É tempo que não volta mais.

Hoje estás tão longe. Longe mesmo. É tempo que não volta mais. É um tempo que eu mesmo criei. É um mundo que sempre imaginei e nunca ninguém soube. Pedi muito para voltar e todas as vezes que voltou pedi internamente para ficar. Você nunca viu, nunca ficou.
Hoje lembrei da saudade que insistia sempre em bater, hoje não me atinge mais, embora eu lembre com carinho do sorriso, do jeito, de como eu cresci. É tempo que não volta mais. É tempo que nunca veio e teimo em pensar, as vezes.

2 comentários:

  1. Nossa, muito obrigada pelo carinho. Você é uma fofa!!! =) s2

    Beijos

    ResponderExcluir