sábado, 24 de dezembro de 2011

Véspera de Natal

Muitos presentes, adornos, comidas, fogos, festa! Será que o "Feliz Natal" é para nós mesmo? Árvores e "Papai Noel". Muitas fotos, sorrisos, alegria e perdão. Famílias separadas o ano todo e justamente dia 24/12 há reconciliação, harmonia e todas aquelas promessas de paz e comunhão. Que papinho mais natalino!
Natal é muito mais que qualquer marketing ditado, aqui no Brasil, neve, chaminé e "Dia de ação de Graças". Mais que pedido de perdão uns aos outros da boca para fora. Mais que presentes embaixo das árvores e renas voadoras. Pisca-pisca iluminando as cidades ao redor do mundo e aquele brinde envolta de uma mesa recheada de chester ao molho "falsidade" e rabanadas com açúcar e mentiras. 
Natal é dia de celebração, verdadeira celebração. Alguém nasceu!! Alguém que muitas das vezes só é lembrado no dia 25/12, quando é.
Talvez possa parecer muito radical o que escrevo ou até mesmo, parecer que não gosto de Natal. Renovar alianças, rever os velhos amigos e sentir novamente aquele som doce da risada de um ente querido.
Presentes, todos queremos, paz, amor, harmonia, tudo isso é muito bom, quando brota do fundo do nosso coração. Se não sente, apenas seja educado! Família não se escolhe, momentos jamais serão os mesmos e o espírito do Natal vem se perdendo, só não podemos perder a essência, o verdadeiro sentido do Natal.


Feliz Natal a todos, pois logo darei notícias das minhas férias. =)

2 comentários:

  1. adorei seu texto acho que natal é bem assim mesmo
    se cuida linda,beijo

    ResponderExcluir